terça-feira, abril 15, 2008

A flor mágica

«Era uma vez duas irmãs. Uma muito bonita e a outra muito feia.
Certo dia em que passeavam pelo bosque à procura de frutos silvestres, ouviram alguém chamar e gemer. Era o anão Malaquias. Tinha ficado preso num silvado e não conseguia soltar-se.
A irmã bonita começou a rir. A feia cortou os espinhos e pousou o anão são e salvo no chão.
— Como forma de te agradecer, vou ensinar-te o caminho para a flor mágica — disse o anão. — Quem a levar ao rei, tornar-se-á rainha. Segue o ribeiro até à nascente. É aí, entre as pedras, que nasce a flor mágica.
Dito isto, desapareceu.
— Sou eu quem vai buscar a flor. Tu és demasiado feia para ser rainha — disse a irmã bonita à irmã feia.
E partiu imediatamente.
Quando andara já um bom pedaço, encontrou um sacho no meio do caminho.
— Leva-me contigo — pediu o sacho.
— Não. Estás muito sujo — disse a rapariga, e prosseguiu.
Mais à frente, encontrou um regador no meio do caminho.
— Leva-me contigo — pediu o regador.
— Não. És muito pesado — disse ela, prosseguindo.
Mais à frente, encontrou uma corda no caminho.
— Leva-me contigo — pediu a corda.
— Não. Não serves para nada — respondeu a rapariga, seguindo caminho.
Quando o sol estava no seu ponto mais alto, chegou finalmente à nascente. Só que a nascente estava a secar, a terra, ressequida e a flor, murcha.
— O anão mentiu — disse a rapariga e, furiosa, regressou a correr pelo mesmo caminho.
— Vai agora tu — disse ela à irmã, no dia seguinte, contente por saber que ela iria fazer o longo caminho em vão.
A irmã feia fez-se, então, ao caminho.
Quando já tinha andado um bom bocado, encontrou um sacho.
— Leva-me contigo — pediu o sacho.
— Com todo o gosto — disse a rapariga. — Se calhar, ainda vou precisar de ti.
E, com o sacho ao ombro, continuou. Mais adiante, encontrou um regador.
— Leva-me contigo — pediu o regador.
— Com todo o gosto — disse a rapariga. — Se calhar, ainda vou precisar de ti.
De sacho ao ombro e regador na mão, a rapariga continuou. Um pouco mais à frente, encontrou uma corda caída no caminho.
— Leva-me contigo — pediu a corda.
— Com todo o gosto — disse a rapariga. — Se calhar, ainda vou precisar de ti.
E lá continuou, com o sacho ao ombro, o regador numa mão, e a corda na outra.
Quando o sol tinha atingido o seu ponto mais alto, chegou à nascente, mas a fonte estava a secar, a terra ressequida e a flor mágica, murcha.
A rapariga pegou no sacho e escavou a terra. Com o regador, regou a flor. Por último, pegou na corda e com ela endireitou a flor.
A flor começou então a reviver.
A água subiu pelo caule até às folhas, o botão endireitou-se em direcção à luz e abriu-se. A rapariga observava, espantada.
Olhava para a flor e nem se deu conta de que, a pouco e pouco, ela própria estava a tornar-se tão bonita quanto a flor.
Cortou-a e levou-a ao rei.
O rei ficou muito contente ao ver a bonita rapariga com a flor e, tal como tinha prometido, fez dela rainha.
A irmã bonita, essa foi ficando cada dia mais feia com a inveja.»

O Clube de Contadores de Histórias

11 comentários:

Zabell disse...

Andas com historias muito educativas...beijinhos

korea sempre disse...

na ha mais nada de jeto para por não???
só aki metem murraça

aragorn disse...

podemos meter uma foto do coelho queres?ranhoso

Barriga de Merda disse...

LOL, estiveste bem aragorn

olhiko disse...

esteve bem merda. bakros.

sakudasssssssssssss


Aldeense sempre

surpente disse...

um ponto importante, o malakias táva disfarçado de anão :) e a flor devia tár lá prós lados do castelo porque acharam o sacho do tó mané e não me espantáva nada se o rei fosse o zé gato

Anónimo disse...

Enkidu aconselho-te a marcares uma consulta urgentemente com o Dr. Prata de Matos, estás a ficar requeimadinho de todo.

Parte brinquedos disse...

o vogal da SUM Dr Malakias vai investir muito dinheiro numa plantação de estevas junto ao koreto.


Fonte segura

Heartbreak Kid disse...

E o Manuela maria vai ajudar com os adubos né?Se investir, as estevas vao chegar aos 2 metros, e que nao ha ninguem com tais conhecimentos no condado do poço a baixo

Heartbreak Kid disse...

Enganei me...queria dizer Manuel Maria! Até já sem querer falo na Manuela...tao boaaaaa.

Kalkitos disse...

SPOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOORTING 5 BATATAS